Bauxita na Amazônia

Em fevereiro de 1974 a Ethyl Corporation anunciou, em Richmond, na Virgínia (EUA), a descoberta de um grande depósito de bauxita na região amazônica, através de sua subsidiária brasileira, a empresa Santa Rita de Mineração Limitada. A Ethyl informou que os estudos de avaliação e de engenharia de pesquisa ainda exigiriam pelo menos mais dois anos de trabalhos, em virtude da extensão e da profundidade das jazidas descobertas. Mas não deu qualquer indicação sobre o local da ocorrência.

(O Estado de S. Paulo, São Paulo/SP, 28/02/1974)