Colonização em Carajás

Em maio de 1983 o governo federal deu início à fase de implantação dos projetos de assentamento rural Carajás II e III, dimensionados para o atendimento de cerca de quatro mil famílias de pequenos agricultores, no sul do Pará. Era também o início das atividades de ocupação agrícola do Programa Grande Carajás, com as primeiras 100 famílias recebendo lotes de terra em uma solenidade realizada na própria serra de Carajás.

(Jornal do Brasil, Rio de Janeiro/RJ, 01/06/1983)