Prioridade ao extrativismo

Durante a 1ª Conferência Anglo-Brasileira sobre Recuperação Ambiental para Conservação da Floresta Tropical, realizada em Brasília no final de outubro de 1990, o secretário especial do meio ambiente, José Lutzenberger, afirmou que a recuperação dos solos degradados da Amazônia e a demarcação e regularização das reservas extrativistas no país eram prioridade do governo federal nos projetos de cooperação na área de conservação ambiental, que receberiam benefícios através de recursos externos.

(Jornal do Brasil, Rio de Janeiro/RJ, 01/11/1990)