Summer expulso

Em novembro de 1977 o governo federal decidiu não renovar o contrato com o Summer Institute of Linguístics e dar um prazo até 31 de dezembro do mesmo ano para que todos os membros da organização saíssem do Brasil. O SIL se instalara no Brasil em 1956, autorizado pelo governo a pesquisar línguas indígenas e traduzir para esses povos o Novo Testamento da Bíblia. Na época da expulsão o SIL contava com três mil integrantes.

(A Província do Pará, Belém/PA, 23/11/1977)