Payakan é premiado

Em junho de 1990 a Unep (Programa Ambiental das Nações Unidas) concedeu prêmio a 72 pessoas ou entidades que participaram da defesa do meio ambiente, o Global 500. Entre elas o índio Paulinho Payakan, da tribo Kayapó, no Pará. O cacique atraiu a atenção do mundo com seus apelos simples pelo fim da destruição da Amazônia.

O prêmio foi entregue em Nairóbi, capital do Quênia, sede da Unep. A entidade também concedeu postumamente o prestigioso Prêmio Internacional Sasakawa de Meio Ambiente para Chico Mendes, por sua luta pela preservação da Amazônia.

Ele lutou de 1975 até o seu assassinato, em 1988, para impedir que fazendeiros derrubassem árvores ou queimassem a floresta. A homenagem a Chico Mendes foi numa cerimônia especial, na cidade do México.

(O Liberal, Belém/PA, 06/06/1990)