Madeireiras em Imperatriz

Em 1978 havia 150 madeireiras em Imperatriz, no Maranhão, e era possível conseguir as principais espécies de madeiras utilizadas – como ipê, cedro, jatobá, cumaru e sucupira – a apenas 30 quilômetros do centro da cidade. No início de 1990 já só existiam 93 madeireiras em Imperatriz e as árvores somente podiam ser encontrados a 150 ou 180 quilômetros das serrarias. Assim, as indústrias de mudaram atrás de madeira em distância econômica, deixando atrás de si um rastro de devastação.

(Gazeta Mercantil, São Paulo/SP, 24/02/1990)