O lugar da floresta

Uma das consequências para o Brasil do aumento das emissões de gases na atmosfera será a floresta amazônica mudar de lugar, avançando em direção ao cerrado, segundo estudos feitos por Ariovaldo Luchiari Júnior, chefe adjunto técnico do Centro de Pesquisa Agropecuária dos Cerrados (CPAC), vinculado à Embrapa.

Ele sustenta que a tendência será as florestas tropicais – no deslocamento em direção aos polos – ocuparem o lugar das subtropicais, que, por sua vez, empurrarão as temperadas para as áreas cobertas por tundras (vegetação própria da região ártica).

(Jornal do Brasil, Rio de Janeiro/RJ, 30/09/1990)