Contrabando de peles

Em setembro de 1971, a 7ª Companhia de Fronteira do Exército apreendeu 50 mil peles de animais, incluindo onças e macacos, na cidade de Benjamin Constant, no Estado do Amazonas. A carga estava em nome de empresas de Manaus e se destinavam a Letícia, na Colômbia. A operação foi realizada em sigilo porque as autoridades acreditavam estar na pista dos “reis” do contrabando de peles.

Fonte: O Estado de S. Paulo (São Paulo/SP), 11/11/1971